domingo, 7 de fevereiro de 2010

TRÊS CURIOSIDADES SOBRE A TRILOGIA DE "PIRATAS DO CARIBE"

Se você é fã de "Piratas do Caribe", e é daqueles que não ficam no cinema vendo todos os créditos ao final do filme, esse post lhe será útil. Bem, eu também não fico, mas mesmo assim quando sai o DVD eu compro ou alugo, e, após assistir o filme novamente, vejo o que há depois dos créditos, coisa que a maioria não faz.


Em "Piratas do Caribe - A Maldição do Pérola Negra ", de 2003, a trama principal se baseia no tesouro asteca que amaldiçoa quem tomar posse de pelo menos uma moeda de ouro. Quem já viu o filme se lembra da tripulação amaldiçoada do Pérola Negra, que à luz do luar tomava a forma cadavérica de imortais. Bem, ao final dos créditos, vemos Jack, não o Sparrow, e sim o macaquinho do Capitão Barbosa, roubando uma moeda de ouro do baú do tesouro asteca, o que explica a imortalidade do pequeno primata no segundo filme, em que ele é dado de presente a feiticeira Tia Dalma.


Em "Piratas do Caribe - O Baú da Morte", de 2006, onde entra em cena o vilão Davi Jones e seu navio Holandês Voador, há uma cena em que Jack Sparrow está em uma ilha, com uma tribo de canibais. Na parte em que ele escapa da ilha, e sai correndo em direção ao Pérola Negra, tem uma cena hilária onde um cachorro é perseguido pelos canibais como um "prêmio de consolação" pela escapada de Jack. No final dos créditos, aparece o mesmo cachorro, passando pela mesma situação de Jack: sentado num trono sendo reverenciado para ser "jantado".


Em "Piratas do Caribe - O Baú da Morte", de 2007, no final do filme vemos que o coração de Will Turner foi arrancado e trancado no Baú que pertencia a Davi Jones, e isso o tornou Capitão do Holandês Voador. Como todos os fãs da trilogia sabem, Will ficou sujeito ao mesmo destino de Jones em relação a sua amada Elizabeth: só poderia ficar um dia em terra e 10 anos no mar, e assim sucessivamente. Isso fica explícito no fim do filme quando ele se despede de Elizabeth. Após os créditos há uma cena que se inicia com a legenda "10 anos depois", onde aparece Elizabeth e um menino caminhando em uma paisagem com vista para o mar e o sol se pondo ao horizonte. O Holandês Voador aparece com seu Capitão Will, dando a entender que ele estaria vindo visitar sua esposa e seu filho.

Um bônus para esse post é uma piada que os roteiritas fizeram que nem todo mundo entendeu. Se lembram da reunião dos Lords Piratas no terceiro filme? Se lembram quando o capitão Barbosa faz menção ao Código dos Piratas e solicita ao Guardião que traga o grande livro para consulta? Esta é a cena onde aparece o pai de Jack Sparrow, Capitão Teague, interpretado pelo guitarrista do Rolling Stones Keith Richard. Antes de abrir o livro ele assovia e vem um cachorro trazendo as chaves. Nesta hora, quando viram o cachorro, Pintel pergunta para Ragetti: "Mas como pode?" E Teague responde: "Tartarugas Marinhas!". Entenderam?

A piada é a seguinte: lembram do cachorro no final dos créditos do segundo filme? Como pode o cachorro escapar dos canibais? Tartarugas Marinhas! Fazendo alusão à maneira que Jack Sparrow escapou da ilha deserta no primeiro filme. Sacaram?

Agora é esperar "Piratas do Caribe 4" e ver o que nos reserva.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Escreva aqui o que você achou do Post! Por favor, respeite os princípios da boa educação! Grato!